Portuguese English

Do Comité Internacional dos Jogos Olímpicos

Para o Comité Olímpico Internacional

No terceiro quartel do Século XIX, como refere Young (2013), o conceito de amador “não tinha sequer sido inventado” [i]. A questão da dialética “amador x profissional” só emergiu na sua plenitude com a própria fundação do Comité Internacional do Jogos Olímpicos[ii] cujo primeiro Congresso, realizado em 1894, foi organizado tendo como um dos seus objetivos principais o esclarecimento do conceito de amador.

Os congressistas, contra a dinâmica caótica da realidade do desenvolvimento do desporto, queriam construir um desporto de amadores, pelo que liberto de todo e qualquer interesse económico. Em conformidade, foram abertas as portas à discussão acerca do estatuto de amador no que diz respeito às condições de elegibilidade dos atletas. Eles estavam fundamentalmente interessados em organizar competições pelo que antes de ser Comité Olímpico internacional a organização foi designada Comité Internacional dos Jogos Olímpicos.

Como se sabe a questão do amadorismo x profissionalismo, para além de ter dominado o Congresso de Paris de 1894 acabou por nunca ser totalmente resolvida a não ser quando em 1992 as portas dos Jogos da XXV Olimpíada realizados em Barcelona foram abertas aos profissionais.


[i] David C. Young (1987). The Origins of the Modern Olympics: a New Version. In: The International Journal of the History of Sport, 4:3, 271-300, p. 274.

[ii] Nome que antecedeu o nome atual do Comité Olímpico Internacional

Menu principal

Story | by Dr. Radut